segunda-feira, 7 de março de 2011

~~º~~ Num regaço ~~º~~


Num regaço de palavras esquecidas

Sinto os teus olhos,

no sossego dum tempo vago.

Tudo é tão silencioso, na ausência

do teu corpo.

Neste recanto solitário, vestida de

solidão, sinto a madrugada vazia,

e o rio seca os meus olhos.

Num altar azul, bordado de púrpura

divina,

meu coração rebelde, deposita

esta paixão

E o meu olhar de guerreira....

5 comentários:

silvo disse...

Muy bien expresado en este poema la fuerza de una ausencia, um beijo Princesa

Maria disse...

Amiga lindissimo poema.
Hoje é o dia de TODAS as mulheres, de TODAS as raças e religiões, mulheres que se esquecem tantas vezes de si em prol da família, mulheres que lutam por uma vida melhor, mulheres companheiras, amigas, colegas, mães, mulheres que sorriem quando a alma chora, mulheres que não desistem de alcançar os seus sonhos e que no fundo do seu coração apenas desejam encontrar o seu caminho na estrada da VIDA.
Para uma grande mulher, com um coração maravilhoso eu desejo um DIA muito feliz.
beijinhos
Maria

Alvaro Oliveira disse...

Minha amiga Princesinha

Como sempre, teus poemas deleitam a alma! E é confortante entrar nestes belos jardins floridos de
doces palavras.

Estou sentindo progressivas melhoras. tão breve poderei voltar como anteriormente, para me entregar aos sabores da tua linda poesia.

Um carinho muito especial para ti, neste dia internacional da mulher.
PARABÉNS PARA TI, MULHER E DOCE POETISA!

Beijinhos

Alvaro

Joalex disse...

Feliz dia da mulher!
Beijinhos.
José Alexandre

manuel marques disse...

"Dorme, dorme em meu regaço! Ela me disse, de uma vez, para sempre. E, adormecido nela, pus-me a morrer, em sonho feliz."