quinta-feira, 1 de outubro de 2009

~~º~~ Poema de Outono~~º~~


Bom dia meu amor ...
é Outubro ,
claro que lembro ...
é Outono e estou contigo
agora e sempre ,
isto é dádiva para mim .
As flores me falam de amor ,
me dizem que vão aparecer ,
mais e mais para nós ,
que a sinfonia de sensualidade existe ,
falam que não é uma criação ,
me afirmam que é realidade ...
que tu me amas de verdade ,
sonhas comigo e vês a chuva cair ...
de manhã , à tardinha ,
na madrugada ...
assim és tu , sempre sonhando
e vivendo teu sonho ...
assim é a vida ,
assim é bom ...
este é nosso som ,
assim nos amaremos para sempre ...
com calor , desejo e dor ,
também prazer ...
Pensando que isto nada pode destruir .
Este é meu primeiro poema
de outono ...
é para ti !

23 comentários:

Pena disse...

Oh, Princesinha Poetiza Amiga Linda:
Que lindo e doce.
Um poema de fascinar e maravilhar pela ternura e encanto.
Excelente Outono e, que tudo lhe sorria de pureza e beleza imensas, como concebeu este terno poema fantástico.
Perfeita. Ímpar. Genial.
Adorei. Extraordinária.
Bem-Haja, pelo que é.
Comovido pela sua sensibilidade divinal à flor da pele de um sonho repleto de ternura.
Beijinhos amigos. Imensos.
Com respeito e estima gigantescas.
Adorei!

pena

Bem-Haja, linda princesinha de sonho.
Fascina!

Alvaro Oliveira disse...

Bom dia Princesa

Poema de Outuno, escrito com sabedoria, com o sentimento da alma
e coração apaixonados, nos embala numa doce melancolia. Adorei minha
amiga. Está maravilhoso.

Beijinhos

Alvaro

stella disse...

E ottobre è arrivato!
Bellissima poesia.

silvo disse...

El primer poema de otoño que desprende amor, que sabe que el otoño también es bello, que todo es bello cuando se siente lo que expresa el poema, gracias Pricesa Um beijo e bom dia

Adolfo Payés disse...

Este otoño es el que me gusta en tu poema. poeta princesa de los sueños..


Un abrazo con mis
Saludos fraternos de siempre..

a Trofa tem cozinheira disse...

Olá Princesa.....sim é outono...hj sim parece outono... a minha alma hj esta como tempo..cinzento e quieto...é assim que quero estar...em paz...

Fatima disse...

Houve um tempo em minha vida que outono era outono, primavera era primavera, verão era verão.
Agora só Deus sabe.
Lindo poema.
Bjs

(Carlos Soares) disse...

Que esse outono se renove mais e mais,em flores,poesia e amor.Beijos

caminante disse...

Hermoso poema para un Otoño,
Es el primero, que no sea el último
Beso

Daniel Savio disse...

O amor não escolhe uma estação para amar, mas com certeza, a mais emblematica é a primavera...

Bela poesia sobre amar no outono.

Fique com Deus, menina Princesa.
Um abraço.

FOTOS-SUSY disse...

OLA PRINCESA, O OUTONO SE LINDO NA TUA POESIA, MARAVILHOSO AMIGA...UMA EXCELENTE TARDE!!!
BEIJOS DE AMIZADE,



SUSY

Lilá(s) disse...

Excelente o teu Outono, mas a imagem também me cativou.
Bjs

Graça Pereira disse...

O Outono, tambem seduz os poetas e mesmo com a nostalgia da natureza, o coração expande-se como se fosse Primavera. Um beijo Graça

manuel marques disse...

"Sei como voltar:
as cores do meu outono
desenham caminhos."

Abraço.

Chris disse...

Belissimo poema de Outono...
Um abraço e obrigado
Chris

comunicadoras disse...

Cada estação tem o seu encanto..; são quatro..., diferentes, mas, cada uma à sua maneira inspira o poeta. O amor também não é igual..; há várias formas de amar, mas todas elas maravilhosas e fundamentais. O outono vem anunciar-nos de que o frio vai chegar e com ele a chuva as intempéries, mas mesmo assim o amor se pode viver com a mesma intensidade, com o mesmo ardor...; faça frio..., faça sol, deixe lá, Princesa..; continue a cantar o amor. Lindo! Parabéns!
Emília

angela disse...

Princesa
Um esperançoso poema de outono.beijos

♥ ♥ Eu disse...

Tem um Selinho Primavera esperando por vc lá blog,
espero q aceite...ofereço à vc com muito carinho.

bjos!

Sandra disse...

Minha linda Princesa.
Tem um selo bem especial para vc. na curiosa.
Te espero lá.

Quanto ao outono é um M~es maravilhoso. Estamos na Primavera. Vai até dez.
Feliz Outono para vc.
Com muito carinho.
Esta estação é muito gostosa e amena.
Sandra

Maria de Lisboa disse...

Para a Princesa, poeta da minha ilha, o meu abraço e o meu reconhecimento pelo modo como soube cantar o seu amor de Outono, essa estação que me afaga e protege os ombros, com o caír das folhas transformado em manto e me anuncia os tons brancos e frios do inverno.
Quisera eu ser a princesa e ter esse amor de outono na minha Santa Maria.
Como um amigo meu me disse, a Princesa "é muito linda". Se é a mesma,imagino que sim, pelo que pude constatar ao ler este poema sobre o amor de Outono, fico contente por me identificar com esta forma de sentir, tanto o amor como o outono.
Abraço
Maria de Lisboa

Aqui - Ali - Acolá disse...

Bom dia amiga Princesa:

Com um dia mais temperado e uma suave brisa, por aqui foi a passagem de uma Quinta-feira suave.

Outono para mim é uma estação que não cabe lá muito bem dentro do meu gosto natural principalmente em relação à natureza, mas ela é composta de 4 estações as quais passam por nós umas melhores que outras.

Um post com um sabor a muito do que se pode esperar de desejos este aqui publicado com uma certa ansiedade de uma realidade esperada.

Outubro entrou ele ditará muitos desejos em muitas vidas.

Bjos, felicidades te desejo.

Desnuda disse...

Ah, Princesa! Que bonito....Palavras de amor são por si lindas. Feitas em versos e com verdadeiro sentimento, ainda mais!


Carinhoso beijo, amiga.

xistosa - (josé torres) disse...

Numa época do cair da folhagem a primeira "folha a cair" é este belo poema.
Repleto de tempo ameno e amor.

Boa semana e um abraço.