segunda-feira, 23 de junho de 2008

A VIDA...






Os arrependimentos fizeram-se
para se sentirem,
as dívidas para se contraírem,
os gostos para se gozarem,
as penas e os desgostos para se cumprirem.
Os pecados fizeram-se para se cometerem,
a vergonha para se passar,
os frutos para se colhere o amor para se amar.
A loucura para se fazer,
a ternura para se dare a paixão para se sentir.
Mas de todas as verdades
a que maior verdade encerra
brota do fundo da terra
e tem a ver com a vida
e essa não se renega;
Fez-se mesmo para ser vivida.
(criado por LG)

1 comentário:

almadepoeta " Isabel Valente " disse...

Princesa,

Esse poema tem um autor cujas iniciais são LG.

É um poema inédito que pela primeira vez foi publicado no meu blog.

Por favor, faça a correcção e anote a autoria do poema ao seu criador LG.

Obrigada