quarta-feira, 8 de abril de 2009

ENCONTRO-ME...


Quando não estás

Encontro-me comigo mesma,

Dentro da escuridão

Que ninguém vê...

Tens razão...

A tristeza por vezes, visita-me,

E choro sozinha,

Para não te deixar triste...

Lavo a minha alma,

Com o intuito de me soltar,

De libertar o meu sofrimento...


6 comentários:

erker disse...

MUY SENSUAL Y MISTERIOSO TU BLOG...BESOS

Aqui - Ali - Acolá disse...

Descobri um tesouro:
Qual é, pergunta-se?

Descobri este blog muito lindo e cheio de ternura.

Também se coadugna comigo em parte este teu post.

ENCONTRO-ME

Mas ainda estou caminhando para me encontrar, resta apenas que a Bússola do Norte me leve ao caminho que tanto desejo..

Bom post o teu.

Parabens pelo lindo blog..

Bjos

manzas disse...

Num traço de avião, desvendo o teu rosto,
Rosto de nuvem em céu azul, luz do infinito…
Infinito desfasamento de Poalhas em fundo fosco,
Fosco cálice vazio que cala a voz de um grito!

Grito queimado nas cinzas de um cinzeiro,
Cinzeiro apagado de um quarto de hotel perdido…
Perdido por um ardente amor, enamorado por inteiro!
Inteiro o calor de um corço que arde consumido.

Que nesta Páscoa receba muitas bênçãos,
Que esta passagem lhe traga
Muito amor, saúde, paz e esperança…
Por ser uma pessoa especial,
Lhe desejo…

Uma FELIZ PÁSCOA!
Bem-haja!

O eterno abraço…

-MANZAS-

Momentos disse...

abracito...apenas
;) bjo

Mariana disse...

identifiquei-me com este texto

bj

Melqyahd disse...

Belíssimo!

Gosto dos teus versos.


Beij.O


Mel